10 de agosto de 2015

Diferenças entre uma pessoa Proativa e uma Reativa!

Pessoas reativas são aquelas que pensam e atuam dentro de padrões de causa e efeito. Pessoas proativas influenciam o meio, garantem harmonia, direcionam boas energias, iluminam tudo e a todos a seu redor. Nunca se sentem vítimas das circunstancias. Escolhem com sabedoria as coisas que podem influir para uma mudança significativa que atenda a muitos.

Quando um Proativo comete um erro, diz: Enganei-me“, e aprende a lição. Quando um Reativo comete um erro, diz: “A culpa não foi minha“, e responsabiliza terceiros.

Um Proativo sabe que a adversidade é o melhor dos mestres. Um Reativo sente-se vítima perante uma adversidade.
Um Proativo sabe que o resultado das coisas depende de si. Um Reativo acha-se perseguido pelo azar.

Um Proativo trabalha muito e arranja sempre tempo para si próprio. Um  Reativo está sempre "muito ocupado" e não tem tempo sequer para os seus.

Um Proativo enfrenta os desafios um a um. Um Reativo contorna os desafios e nem se atreve a enfrentá-los.

Um Proativo compromete-se, dá a sua palavra e cumpre. Um Reativo faz promessas e quando falha só se sabe justificar.

Um Proativo diz: "Sou bom, mas vou ser melhor ainda". Um Reativo diz: "Não sou tão mau assim; há muitos piores que eu".

Um Proativo ouve, compreende e responde. Um Reativo não espera que chegue a sua vez de falar.

Um Proativo ouve, compreende e responde. Um Reativo não espera que chegue a sua vez de falar.

Um Proativo sente-se responsável por algo mais que o seu trabalho. Um Reativo não se compromete nunca e diz sempre:
Faço o meu trabalho e é quanto basta”.
Um Proativo diz: “Deve haver uma melhor forma
de fazê-lo” Um Reativo diz: “Sempre fizemos assim. Não há outra maneira.

Um Proativo é PARTE DA SOLUÇÃO. Um Reativo é PARTE DO PROBLEMA.

Um Proativo consegue "ver a parede na sua totalidade". Um Reativo fixa-se "no azulejo que lhe cabe colocar".

Um Proativo passa esta mensagem aos amigos...
Um Reativo a LÊ e a DESTRÓI… Acredita que esse texto foi enviado apenas para ele!


Autor Desconhecido.

Nenhum comentário: