20 de julho de 2015

A magia dos cubos!

O nosso cérebro é o melhor brinquedo já criado:
nele se encontra todos os segredos,
inclusive o da felicidade. Charles Chaplin

Uma antiga brincadeira de crianças virou paixão mundial de todas as idades, desde as crianças, passando por jovens adolescentes até senhores cinquentões. O cubo de Rubik ou simplesmente Cubo Mágico teve seu final de semana de Mundial em São Paulo. Estivemos no Colégio Etapa para ver um pouco da competição e acompanhar meu filho Ronaldo de 18 anos que competiu em três modalidades.
São várias as modalidades, além das diferenças de faces dos cubos (2x2, 3x3, 4x4, 6x6) tem também a modalidade com os olhos vendados e até com os pés. Sem contar o cubo na forma dodecaedro (12 faces). Competiram cerca de 400 pessoas de quarenta países num ambiente de civilidade, educação e muita concentração.
Enquanto meu filho conversava em inglês com o Campeão Mundial Feliks Zemdegs, um jovem australiano que vive nos EUA, minha filha Marina fotografava um dos momentos mais emocionantes do primeiro dia de competições, o menino Chan Hong Lik que levou a plateia lotada ao delírio, quando numa das suas tentativas alcançou menos de dez segundos. Pura emoção!
            O silencio nos momentos em que os competidores tentavam freneticamente montar seus cubos contrastava apenas com a muita alegria juvenil além do zunir das superfícies plásticas e dos aplausos da plateia.
Gostoso ver no país do futebol e de esportes coletivos como Vôlei e Basquete e da nossa péssima educação jovens brasileiros se interessando por algo tão sadio, lúdico e inteligente.
Ficamos felizes também ao ver a organização do evento nas mãos de um Colégio competente. Nada estava fora da ordem ou do lugar que deveria estar. Os voluntários fizeram um trabalho brilhante e o Colégio Etapa está de parabéns!
Final de semana diferente e muito alegre para nossa família e para as centenas de pessoas que lá estavam numa alegre torre de babel onde diversos idiomas se fundiam numa só direção > Os Cubos Mágicos!

Nenhum comentário: