20 de julho de 2013

Grandes eventos no Brasil evidenciam o jeitinho brasileiro!

Semelhante a uma flor que parece linda, mas não tem
nenhum perfume, assim são as palavras infrutíferas
do homem que as fala e não as coloca em prática.
Dhammapada

O Brasil sediou no mês de junho/2013, a Copa das Confederações, um evento organizado pela FIFA, que teve seis capitais brasileiras utilizadas como sede do evento. Na televisão tudo deu certo, as coisas estavam bonitas, organizadas e coloridas aos olhos dos telespectadores. Haja ufanismo!

Entretanto quem compareceu aos estádios teve dificuldades com a falta de mobilidade urbana, segurança precária, além de entrar em estádios recém-inaugurados sem estarem com suas obras completamente terminadas. A Arena Pernambuco entre outras coisas estava sem os seus elevadores liberados para quem precisava atingir o quarto andar e as pessoas penaram bastante para ver o jogo.

Daqui até o ano de 2016 o Brasil sediará inúmeros eventos como a visita do Papa na Jornada da Juventude no RJ, o Festival de Rock no RJ, a Copa do Mundo de 2014 e a Olimpíada RJ/2016. Assim como no caso dos estádios de futebol, os nossos governantes não tem vergonha de mostrar o lado mais obtuso de suas administrações.

Vejam por exemplo o que está acontecendo na cidade do Rio de Janeiro neste mês de Julho/13. Por onde Sua Santidade, o Papa vai passar, obras de embelezamento foram feitas, asfalto de quinta categoria, pinturas, maquiagem pura e jeitinho brasileiro ao invés de obras de verdade. Nas demais localidades próximas aos eventos religiosos lama e sujeira por toda parte.

Rezar não vai adiantar, estes nossos governantes praticam o inefável jeitinho brasileiro de governar, em sua maioria são ateus. Rezam pela cartilha do quanto pior melhor, ou quanto maior a minha parte dane-se o resto (Entenda-se POVO).

A lama se acumula em poças no terreno onde está sendo montado o Campo da Fé, em Guaratiba, na zona oeste do Rio de Janeiro. O local abrigará a vigilia e a missa de encerramento da Jornada Mundial da Juventude, com presença do Papa Francisco. O encontro internacional de jovens católicos será realizado entre os dias 23 e 28 de julho e marcará a primeira visita do Papa ao Brasil.

A imprensa internacional estará presente, autoridades religiosas e pessoas do mundo inteiro na lama, em meio ao maior exemplo de incompetência e desonestidade que um governante pode oferecer em nome de seu país.

Assim com certeza, será na Copa do Mundo e nas Olimpíadas RJ/16. Estádios com custo de ouro e conforto de lama. Nenhum aeroporto digno para receber milhões de turistas, muito menos portos em condições adequadas para a mesma tarefa.

Tudo maquiado por governos municipais, estaduais e pelo mandatário maior que é o governo federal. Eles não têm vergonha na cara, são sociopatas, torraram e ainda vão gastar bilhões antes que a tocha olimpíca se apague em 2016.

O Papa talvez não perceba o quão mediocre são os Senhores Prefeito e o Governador do Rio de Janeiro, local onde ele vai passar alguns dias no silencio dos seus aposentos e ficará longe da vergonha que é o maldito jeitinho brasileiro.

A FIFA e o COI (Cômite Olimpíco Internacional) já perceberam a roubada em que entraram ao declarar o Brasil como sede dos eventos para os quais nosso povo estava preparado, mas nossos governantes e nossa classe política jamais.

Nenhum comentário: